Wednesday, December 8A força da nossa voz!

Pressão popular faz dinheiro da saúde aparecer

Surtiu efeito a reclamação feita pelo Radialista varzealegrense Franzé Sousa, em suas redes sociais, a respeito da falta de atendimento médico no Hospital São Raimundo Nonato, em Várzea Alegre. O fato repercutiu imensamente nas redes sociais, inclusive com diversas manifestações de insatisfação com relação à saúde do município. O assunto também foi debatido na Rádio Educadora do Crato (102.1 FM), onde o Franzé Sousa trabalha desde 2019 e na Atual Online de Várzea Alegre, no programa ‘Escotilha Policial’ apresentado pelo Capitão Horizonte.

Segunda-feira (23), durante sua fala na Rádio Cultura, o prefeito do município, José Hélder (MDB), anunciou que o Governo do Estado, através da Secretaria de Planejamento, disponibilizaria um percentual de pelo menos 50% da dívida do Hospital, o que corresponde a pouco mais de um milhão de Reais.

Histórico

Desde abril deste ano o Hospital São Raimundo não recebe os repasses financeiros da Secretaria Estadual de Saúde, tendo como consequência sérias dificuldades nos atendimentos médicos, em especial os ambulatoriais. Em julho foi anunciada pela direção do hospital a suspenção de alguns tipos de atendimentos.

Repercussão

Após saber da novidade, o radialista fez nova postagem em suas redes sociais, notadamente no Facebook, relatando a sua satisfação em ter, ainda que de forma indireta, contribuído para que parte do problema fosse solucionado. Confira o texto publicado por Franzé:

“O sacrifício da minha irmã de não encontrar médico para atendê-la ao passar mal no sábado 21/08 à noite, no Hospital São Raimundo Nonato de Várzea Alegre, não ficou no anonimato. A repercussão que teve a postagem no Facebook do Franzé Sousa, forçou a Prefeitura de Várzea Alegre rebuscar e o Governo do Estado liberar nos próximos dias, metade do débito ao único Hospital São Raimundo Nonato de Várzea Alegre que tem mais de 40 mil habitantes. A crise chegou a afastar os médicos do plantão noturno. O anúncio da liberação de pelo menos 500 mil reais, foi feito pelo prefeito Zé Helder do MDB, 2 dias após a postagem, em entrevista à Cultura FM 96.3 Várzea Alegre , acompanhado do diretor do hospital, Carlyle Aquino Sátiro Oliveira , no fim da manhã de segunda-feira 23/08. O assunto também repercutiu na Educadora do Crato 102.1 FM, onde o Franzé Sousa trabalha desde 2019 e na Atual Online de Várzea Alegre, no programa ‘Escotilha Policial’ apresentado pelo Capitão varzealegrense reformado da Marinha Francisco H. Francisco.”

Franzé Sousa, em sua rede social Facebook

Análise

O fato é que a população varzealegrense vinha sofrendo desde abril com deficiências crescentes de atendimentos básicos no único hospital do município, garantidos pela Constituição Federal a todos os cidadãos brasileiros. O que chama a atenção é o fato de que somente após forte pressão popular, em consequência de uma postagem de um conhecido e querido radialista varzealegrense, foi que o problema foi dado encaminhamento para solução em parte, o que ainda não é o ideal. O desejado seria que a situação dos repasses fosse resolvida por completo, possibilitando assim que o hospital retomasse todos os seus serviços de forma imediata e sem restrições financeiras. Tudo isso poderia ter sido evitado se gestores não hesitassem em se desgastar fazendo pressão e cobrando do Governo Estadual o que é de direito do povo.

1 Comment

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *